Resultado online:

Entrar

Notícias


25. jan. 2018

Comer, comer, é o melhor para poder crescer!

A partir do sexto mês de idade o bebê já pode começar a experimentar novos sabores em sua alimentação.

Incorporar as famosas papinhas, sopinhas e frutas no cardápio do pequeno requer persistência e muita paciência, a tendência é de rejeição nas primeiras tentativas, uma vez que ele passou um longo período se alimentando somente de leite materno.

Para ajudar nesse período de mudança, o DB preparou algumas dicas que visam tornar esse processo de adaptação mais tranquilo para o bebê.

 

Dica 1 – Utilize ingredientes frescos.

Lembre-se que o seu bebê está em fase de formação do paladar, por isso, procure utilizar alimentos frescos, desta maneira, você irá contribuir para que ele saiba reconhecer um bom prato.

 

 

 

Dica 2 – Ofereça uma coisa de cada vez.

Comece oferecendo uma fruta, pode ser raspada, em forma de purê ou apenas amassada, de duas a três vezes ao dia. Após essa aceitação introduza os legumes, os carboidratos, as carnes, além de grãos e folhas.

 

 

 

Dica 3 – Não bata os alimentos no liquidificador.

Mesmo que os dentinhos ainda não tenham começado a nascer, é preciso estimular o movimento da mastigação, sendo assim, amassar a papinha com o garfo é o suficiente.

 

 

 

 

Dica 4 – Prefira sempre os temperos naturais.

Os temperos industrializados possuem alta concentração de sódio em sua composição. Prefira apenas os naturais como a cebola, a cebolinha e a salsinha. Você também pode usar o sal, desde que seja em pequenas quantidades e um fio de azeite extra virgem.

 

 

 

Dica 5 – Ofereça água somente após a refeição.

Assim como muitos adultos, crianças também podem quer ingerir algum tipo de líquido enquanto comem, contudo, isso não é muito indicado. Ofereça líquido ao bebê somente após o término da refeição, preferencialmente água filtrada.

Cadastre-se e receba as novidades do nosso informativo no seu e-mail: